Weby shortcut
Cabeçalho Caxim

Consciência - 2010

Atualizado em 19/11/14 09:23.

Gestão Consciência - 2010

A Gestão Consciência se formou pela união de diversos estudantes inconformados com a percepção de que boa parte da estrutura da Faculdade de Direito da UFG ainda demanda muitas ações para que esta seja realmente um centro fomentador de conhecimento. Há falhas nos mais variados níveis: há matérias sem professores, não há grande incentivo à pesquisa, são poucos os cursos de extensão; isto só para ficar naquilo que deveria ser base de qualquer Faculdade: pólo de produção de conhecimento, de ciência!

Acreditamos que, muitas vezes, o estudante de nossa Faculdade é a parte fraca nas relações travadas em nossa Universidade, sofrendo em decorrência disto, graves consequências, não conseguindo meios de, sozinho, fazer valer seus direitos. Nessa complicada dinâmica fica evidente que não há completa integração dos estudantes com o Centro Acadêmico XI de Maio (CAXIM), um importante órgão de representação estudantil que tem a obrigação estatutária de lutar pelos direitos e interesses do corpo discente, além de representá-lo politicamente. Os problemas concernentes à integração entre estudante e CAXIM se dão pelos mais variados motivos, mas, essencialmente, por falta de comunicação do Centro com os estudantes e pela dissociação entre os interesses dos estudantes com o CAXIM.

Propomos uma maior integração entre o corpo discente e o Centro Acadêmico! Acreditamos que o CAXIM deve atuar de forma eficiente e incansável, neste sentido, na tentativa de promover uma maior ligação dos estudantes entre si, destes para com a direção da Faculdade e com os órgãos deliberativos da UFG. Também nos é fundamental a participação do aluno que se sente insatisfeito com a relação CAXIM e representados e com a situação predominante na Faculdade de Direito.

O grande objetivo dos membros da Gestão Consciência é formar um grupo forte, com o apoio e a participação de todos que se preocupam com uma Universidade mais democrática, que atue no sentido de fortalecer a representação do discente e possibilite uma presença cada vez mais efetiva do CAXIM na vida de cada estudante. Afinal, é realizando uma gestão de DENTRO para FORA que acreditamos poder modificar o universo que está a nossa volta em benefício de todos os estudantes da Faculdade de Direito da UFG.

PRINCIPAIS PROPOSTAS DA GESTÃO CONSCIÊNCIA:

Política

- Política externa presente e consequente. O CAXIM também representa os discentes externamente, frente a órgãos que querem entrar em contato conosco, alunos de outros cursos, estudantes de Direito de outras instituições etc. Assim, é fundamental que os representantes, no trato com a comunidade externa, sejam pautados pelo bom senso, respeito às deliberações e aos interesses dos estudantes de nossa Faculdade;

- Defesa da autonomia do Centro Acadêmico: financeira e política. Não ter uma única fonte de renda é primordial assim como não deixar que o CAXIM seja submetido a interesses alheios à nossa realidade e à ampla aceitação dos graduandos e pós-graduandos;

- Reforço, através das propostas apresentadas em cada um destes pontos, do tripé constitucional da Universidade: Ensino, Pesquisa e Extensão;

- Um Centro Acadêmico presente, útil e democrático. Através da aproximação, contato permanente e uma gestão pautada no respeito e abertura à diversidade de perfis e demandas dos alunos;

- Defesa da articulação entre o CAXIM e instituições como o Ministério Público, a Associação dos Magistrados de Goiás, a Ordem dos Advogados do Brasil, etc, procurando o apoio e a cooperação dos parceiros na organização de eventos e outras demandas.

Comunicação

- Ampliar o uso do site do CAXIM: divulgar eventos culturais, populares e acadêmicos; publicar textos produzidos pelos estudantes (sem fixação de tema), e buscar informar os estudantes acerca do funcionamento da Universidade e da Faculdade de Direito. Criar, também, outros meios de comunicação eletrônica, como um blog do CAXIM;

- Publicação periódica do jornal "XI de Maio": divulgação de atividades, informações importantes, além de um quadro específico para críticas e avaliação dos professores feita pelos alunos (o Trombone), textos mandados pelos alunos (de caráter informativo ou poético), jogos, piadas etc.;

- Criação de uma Ouvidoria Eletrônica: espaço no site e endereço de e-mail disponibilizados e amplamente divulgados para que os estudantes possam enviar suas críticas, comentários e sugestões em relação à gestão e à Faculdade;

- Contato com todas as salas: estabelecer um canal de comunicação direta e contínua entre o CAXIM e cada turma através da criação de uma lista de e-mails com todos os representantes de sala;

- Mural do CAXIM: publicização de eventos e demais informações concernentes ao CAXIM, além do quadro "Trombone", que apresentará de forma satírica e inovadora os dados colhidos nas avaliações periódicas dos professores aplicadas pelo CAXIM, e do quadro "Transparência", no qual será feita a exposição das contas mensais pela Tesouraria.

Patrimônio e Finanças

- Fontes alternativas: buscar outras fontes de renda, além do acordo com as fotocopiadoras: patrocínio de lojas; cursos jurídicos; advogados; venda de camisetas, blusas, chaveiros, agasalhos com a marca do CAXIM e da Faculdade de Direito. É vital que o CAXIM não fique na dependência de um único tipo de fonte de renda pra cobrir suas despesas;

- Espaço Cultural limpo e decorado;

- Cobrança frente à direção da Faculdade da manutenção de ambientes (como os banheiros) limpos, agradáveis e organizados;

- Formação da Comisssão de Atualização Bibliográfica com o objetivo de cobrar e buscar nos meios cabíveis, que a Faculdade de Direito, através da Biblioteca Central, forneça um acervo de doutrinas da maneira mais atualizada possível;

- Campanha permanente e ostensiva de arrecadação de livros doados por professores, ex-alunos e por escritórios de advocacia (com publicização no jornal "XI de Maio");

 - Desenvolvimento de um projeto para realização de palestras voltadas para a exposição do Direito, envolvendo depoimento de graduandos ,da prática profissional para o público pré-vestibulando e que possibilite fundos para o centro acadêmico.

Cultura e Eventos

- Dar continuidade ao Empadão Literário, Cineclube, Musicalices e a Choppada do Direito (na tentativa de tornar tradição da Faculdade este evento);

- Promover o Direito pela Arte!, evento que promoverá a aprendizagem do Direito para um público externo através de exposição de quadros, realização de peças de teatros, etc.

Esportes

- Assessoria na organização de equipes permanentes, se possível, de futebol, vôlei e basquete (masculino e feminino, com formação de acordo com a demanda), incentivando suas participações em eventos tais como: Inter-UFG, Jogos Internos do Direito (JID's) e a Copa SESC, com a tentativa de criação de um Inter-Jurídico;

- Incentivo à organização de treinamentos para a integração interna das equipes e a preparação para amistosos e campeonatos; arrumar espaço em uma quadra poliesportiva, fazer seleção dos alunos no começo do ano e treinamento;

- Organização de jogos amistosos entre as equipes formadas, destas com equipes de outras faculdades da UFG e com equipes de outras universidades;

- Proporcionar o Espaço Cultural para sediar a realização de eventos informais, como campeonatos de xadrez, truco e videogame.

Ensino Jurídico

- Participação na vida administrativa da Faculdade, através das reuniões do Conselho Diretor e dos Departamentos, divulgando, no site e no jornal, as suas deliberações;

- Potencializar a atuação dos diversos grupos de pesquisas (publicação de artigos produzidos pelos alunos nos meios de comunicação eletrônica) e extensão (como o Direito pela Arte! e cursos de prática jurídica);

- Organizar congressos (incluindo ao menos um de amplas dimensões), seminários, palestras e afins, com planejamento periódico, relacionados com o Direito e com temas contemporâneos;

- Organização, com uma periodicidade regular, de palestras, debates e seminários que contemplem temas do universo jurídico e de outras áreas do conhecimento; Realização de palestras-aula voltadas para a prática profissional e o bom desempenho em provas e concursos, contando com palestrantes qualificados, temas bem delimitados e estritamente jurídicos;

- Incentivar e buscar, se for preciso, articulação com o Tribunal de Justiça para a continuação e maior frequência de Tribunais do Júri, além de procurar promover, em cooperação com estudantes de outras faculdades de direito, a realização, em 2010, do Campeonato de Júri Simulado;

- Criação de projetos que incentivem a prática jurídica de maneira associada a uma conexão social, características da Extensão. São propostas nesse sentido: Mutirão do Habeas Corpus; Palestras sobre Direito do Consumidor; Mini-Curso de Direito Ambiental; E outros de acordo com a disponibilidade do trabalho em conjunto com entidades que podem fornecer recursos humanos e materiais, como o Ministério Público;

- Realização da Semana do Calouro com um rigoroso planejamento, buscando acordar com os professores e com a Faculdade, visando a compatibilidade dos horários. Objetiva-se: tratar de assuntos chamativos relativos ao Direito; situar os calouros em relação ao funcionamento da Universidade Federal de Goiás, da Faculdade de Direito e do Centro Acadêmico XI de Maio; apresentar os órgãos e possibilidades dentro da Faculdade; incentivar o interesse pela iniciação científica; promover o Trote Solidário, com campanha de arrecadação de alimentos; realizar atividades culturais objetivando a integração.

 É com esse intuito que a Gestão Consciência 2010 porpõe um ano de comunicação direta com o estudante visando a ampliação dos universos jurídico, social e cultural internos da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Goiás; dessa forma a gestão, na figura de todos os seus membros, se dispõe a conversar com todos os grupos os estudantes da FD na tentativa de tornar o mais amistosa e funcional a relação Centro Acadêmico / Aluno.

 Com saudações e agradecimentos,

  A Gestão Consciência.

Listar Todas Voltar